RESENHA: A emoção e a destruição do Deftones

Por Ricardo Irie I @Irie_ I Foto IHateFlash

Dia 24 de setembro, primeiro dia da segunda semana de shows em comemoração aos 30 anos de Rock in Rio. Quantos números, não? Números que não conseguem contar a ansiedade dos fãs dos Deftones, quarteto californiano que já não pisavam em terras brasileiras havia cinco anos.

O grupo começou com a direta Diamond Eyes do seu álbum homônimo de 2010, já fazendo o público cantar junto.

Em seguida, Rocket Skates e Be Quiet and Drive (Far Away). Particularmente, tenho uma ligação muito forte com essa música e foi onde as lágrimas caíram. Ao meu lado, outras pessoas estavam emocionadas como eu e todas cantaram junto o refrão.

Ansiedade pro Deftones já.

A post shared by Irie (@iriezism) on

Pra manter o clima de emoção e aproveitar a nostalgia das pessoas, My Own Summer (Shove It) que é o primeiro hit mainstream e uma das músicas presentes do que podemos chamar de “golden age of new metal”. Nesse momento, uma roda abriu com a galera indo ao delírio.

Acalmando os ânimos, veio Sextape que é forte demais. Foi uma das músicas que você percebe como o vocalista Chino Moreno é muito competente ao vivo.

Knife Party, do aclamado álbum White Pony veio em seguida fazendo todo mundo pular e cantar o refrão em uníssono!

Tempest e Swerve City do álbum Koi no Yokan fizeram os presentes agitarem bastante quando veio a pedrada na cara com Passenger.

Ao fim de Passenger, veio Change (In the House of Flies). Música famosa por estar na trilha sonora do filme A Rainha dos Condenados. O clima que essa música deixou no ar, foi mágico. Poucas bandas sabem unir peso e atmosfera/ambiência, quanto o Deftones.

Pra encerrar, Engine No.9 e Head Up. Pra se despedir do Brasil, nada melhor do que duas porradarias e rodas enormes na plateia pra banda sentir a vibe dos brasileiros.

O Deftones é uma banda que não precisa ficar muito tempo sem vir para o Brasil. São extremamente competentes e cada vez mais fazem uma legião de fãs novos interessados no som bastante diferenciado deles. Ficamos no aguardo de um novo show por aqui e com um setlist maior!

set

  1. Diamond Eyes
  2. Rocket Skates
  3. Be Quiet and Drive (Far Away)
  4. My Own Summer (Shove It)
  5. Sextape
  6. Knife Prty
  7. Tempest
  8. Swerve City
  9. Passenger
  10. Change (In the House of Flies)
  11. Engine No. 9
  12. Headup
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s