RIFF Indica #1: Fire Department Club

Por Felipe Sousa | @Felipdsousa

 

Amigos rifeiros, vamos iniciar uma série de publicações com a temática de indicações. Primordialmente, as publicações terão novos nomes da música nacional, embora vocês também possam colar aqui e se deparar com indicação de álbuns e até artistas da gringa.

Confere nossa primeira indicação e depois fala pra gente se conhece, se gosta ou indica coisa pra gente também.

Bom, eu sou apaixonado pelo indie rock, e por isso, nossa primeira edição é uma ótima representante do estilo. Acompanhe:

EP Human Nature | @firedepartamentclub

 

O Fire Department Club é o um quarteto formado em Porto Alegre por Andre Ache (Vocal e baixo), Gabriel Gottardo (Gutarra e sintetizadores), Mainel Waldow (Guitarra) e Gui Schwertner (Bateria). A banda nasceu em 2011 da amizade de colégio do quatros indie boys, e no mesmo ano lançaram o EP “Colourise” que chegou primeiro em Los Angeles. Aliás, os caras começaram a chamar atenção primeiro lá na gringa.

Em 2013 eles lançaram os singles “Merry Go-Round” e “Love Reconnected” e em 2015 veio o segundo EP, intitulado “Best Intuition”. Esses trabalhos foram tão elogiados que renderam aos caras um contrato com a Sonovibe Records, de Los Angeles. Além disso a FDC já tocou no Lollapalooza Brasil e abriu shows para The Kooks e Kasabian.

A FDC canta em inglês e tem referências em bandas como Phoenix, Daft Punk, Blur e Interpol. Sua sonoridade, indie principalmente, flerta com o ambiente oitentista, sintetizadores lapidados e frescos, guitarras e bateria orgânica.

Em 2016 eles ainda lançaram o terceiro EP, intitulado “Human Nature”, que foi produzido pelo americano Luc Silveira e masterizado por Dave Locke (Smashing Pumpkins).

Ouça abaixo o excelente som da Fire Department Club:

Acompanhe mais da FDC: Facebook | Instagram | Spotify

Siga o Canal RIFF: YoutubeFacebook | Twitter | Instagram | Spotify

 

 

 

Anúncios

Lançamentos: 21 Álbuns de setembro que você tem que ouvir

Por Felipe Sousa | @Felipdsousa

Nossa lista mensal de lançamentos está pronta. Confira alguns dos lançamentos mais legais do mês de setembro entre produções nacionais e internacionais.

E ah, aproveita e segue o RIFF no spotify. lá rolam várias playlists, incluindo a dos lançamentos.

Bora ouvir:

 

Jake Bugg – Hearts That Strain

Um dos primeiros e mais legais lançados em setembro, o intimista “Hearts That Strain” é o quarto disco do Jake Bugg. O Sucessor de “On My One” (2016) tem 11 faixas, dentre elas o single “How Soon The Dawn”, e participações especiais de Noah Cyrus e Dan Auerbach (The Black Keys).

LCD Soudsystem – American Dream

Finalmente os nova-iorquinos do LCD Soudsystem retornaram de seu hiato de cinco anos. A banda de punk disco lançou em setembro o provocante e dançante “American Dream”.

 

Mogwai – Every Country’s  Sun

Eu não conhecia o som da banda escocesa Mogwai, e me surpreendi ao ouvir seu mais novo lançamento, o disco “Every Country’s Sun”. Me deparei com versos cantados instrumentalmente, belas guitarras gritando suavemente, ora não tão suaves, ambientes melódicos e também repletos de sujeira… curti! Ouça:

Motorhead – Under Cover

“Under Cover”, lançamento do Motorhead, é um disco com 11 faixas de covers executados pela banda durante toda sua carreira. Dentre eles, a inédita versão de “Heroes”, David Bowie.

Jack Johnson – All The Light Above It Too

“All The Light Above It Too” é o sétimo disco de Jack Johnson e contém dez faixas, dentre elas os singles “Sunsets For Somebody Else” e “You Can’t Control It”.

O músico aterrissa em terras brasileiras em novembro para shows em São Paulo e Rio de Janeiro. Algum riffeiro vai?

The National – Sleep Well Beast

Com a sua amargura poética e sonora, O The National retorna quatro anos depois de “Trouble Will Find Me” (2013) e explora o amor caótico do eu lírico em “ Sleepe Well Beast”. Com uma nova pitada eletrônica e o ambiente melancólico já tradicional da banda, o novo disco é mais um belo trabalho do quinteto. Eu me Amarro em The National. E você?

Neil Young – Hitchhiker

“Hitchhiker” traz dez canções originalmente compostas na década de 70 e que só agora Neil Young decidiu lançar – Algumas aparecem em outros trabalhos do cantor. Ouça:

Foo Fighters – Concret And Gold

Lançado no dia 15 de setembro, “Concret And Gold” é o nono disco da carreira do Foo Fighters e conta com participações de Justin Timberlake e Paul McCartney. Se liga na nossa resenha do disco.

E lembrando, o Foo Fighters vem ao Brasil em 2018 em turnê conjunta com o Queens Of The Stone Age. Os shows acontecem e fevereiro e março em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Curitiba.

Prophets Of Rage – Prophets Of Rage

O Prophets Of Rage é um projeto formado por membros de Rage Against The Machine, Public Enemy e Cypress Hill, e os caras acabam de lançar o seu primeiro álbum, homônimo. O disco tem doze faixas, incluindo os singles “Radical Eyes” e “Living On The 110”.

Ringo Starr – Give More Love

Com participação de Paul McCartney, o ex Beatles Ringo Starr lançou seu décimo nono disco solo, intitulado “Give More Love”. O disco está disponível em todas as plataformas digitais e você pode ouvi-lo abaixo:

The Killers – Wonderful Wonderful

Você curtiu ao álbum novo do The Killers? Eu curti. Uma das coisas que gosto nos Killers é que suas músicas podem ser ouvidas a partir de ordem nenhuma. As mais antigas ou as mais recentes caem muito bem nos ouvidos. E é por isso que gostei de “Wonderful Wonderful”. É The Killers.

The Horros – V

A banda britânica, que tem muita audiência no reino unido, The Horrors lançou o seu quinto disco de estúdio, intitulado “V”. O Disco conta com dez faixas e está disponível em todas as plataformas digitais.

The Neighbourhood – Hard

Os aguardadíssimos do The Neighbourhood lançaram em setembro o EP “Hard”. O registro contém cinco faixas e é uma prévia do seu novo álbum, que ainda não tem nome nem data de lançamento prevista.

Os caras também devem pintar no Lollapalooza Brasil em 2018 e provavelmente já com o álbum completo lançado. Ouça “Hard”:

Circa Survive – The Amulet

A banda norte-americana Circa Survive lançou “The Amulet”, seu sexto álbum de estúdio.  O disco conta com dez faixas, e dentre elas, “The Amulet”, “Lustration” e Rites Of Investiture” já ganharam clipes.

As Bahias e a Cozinha Mineira – Bixa

Raquel Virgínia, paulista, Assucena Assucena, baiana e o mineiro Rafael Acerbi formaram a banda, na época de faculdade, em São Paulo. E nesse mês de setembro eles lançaram o disco “Bixa”. O trabalho é inspirado em Caetano Veloso, e traz também sonoridades variadas com muitas batidas eletrônicas e MPB. Vale ouvir.

Maglore – Todas as Bandeiras

Mais um lançamento brazuca. E de uma das bandas mais legais do país. A Maglore acaba de lançar o ótimo álbum “Todas as bandeiras”. Você pode conferir nossa resenha do disco e já vai compartilhando esse dom massa da Maglore.

Tim Bernardes – Recomeçar

“Recomeçar” é o primeiro disco solo do cantor e compositor Tim Bernardes. O paulistano, que é vocalista da banda O Terno (Que vai estar no Lollapalooza 2018), propõe um ambiente intimista e com composições bastante sentimentalistas. Ouça e diga o que achou:

Sound Bullet – Terreno

Mais um lançamento brazuca de setembro é o “Terreno”, dos cariocas da Sound Bullet. Esse é o primeiro disco do grupo, que já havia aparecido bem com o EP “Ninguém Está Sozinho” (2013). Ouça a mistura de indie rock e rock alternativo dos caras:

Bergamota – Oscilação

Quarteto carioca formado por Lucas Fernandes (guitarra), Lucas Machado (guitarra e vocal), Amon Deister (baixo) e Gabriel Medeiros (bateria), mistura influências do rock progressivo, stoner rock e Indie rock, e lançam pelo selo Crooked Tree Records seu disco de estreia, intitulado “Oscilação”. Mais uma banda nacional pra você curtir!

The Flying Eyes – Burning Of The Season

Mais um belo lançamento do selo Abraxas, “Burning Of The Season” é o quarto disco dos norte-americanos The Flying Eyes. Com muitas distorções, psicodelia pedindo passagem pro protagonismo, riffs afloradíssimos e o vocal envolvente de William Kelly, “Burning Of The Season” é de fato um ótimo disco.

Quarto Ácido – Paisagens e Delírios

A Abraxas na lista de novo e agora trazendo coisa boa pros fãs de instrumental. “Paisagens e Delírios” é novo álbum do Quarto Ácido, que tem uma roupagem influenciada pelas maravilhas sonoras da década de 70 e pelo stoner rock noventista.

 

Face to Face, Ignite e a avalanche hardcore do We Are One Tour

Por Guilherme Schneider | @Jedyte 

Grande semana para os fãs de punk rock/hardcore do Brasil. Nada menos do que cinco representantes gringas vem ao país para uma série de quatro shows: a 2ª edição da We Are One Tour.

Porto Alegre (05/10), Curitiba (06/10), São Paulo (07/10) e Rio de Janeiro (08/10) recebem Face To Face (EUA), Ignite (EUA), Much The Same (EUA),  The Fullblast (Canadá), The Decline (Austrália). Em São Paulo a Pense também se apresenta, representando o HC nacional.

O festival passa ainda por mais cinco países latinos: Argentina, Chile, Peru, Colômbia e Costa Rica.

Uma oportunidade de ouro de ver tantas bandas interessantes – e que certamente proporcionarão rodas muito animadas em qualquer local.


Segue abaixo informações sobre datas, locais e Ingressos:

5 de Outubro – Porto Alegre @ Cervejaria Rodeio
Ingressos online: https://goo.gl/sfvSfU

6 de Outubro – Curitiba @ Antiga Moohai (Butiquim Pub)
Ingressos online: https://goo.gl/dRqR6k

7 de Outubro – São Paulo @ Carioca Club
Ingressos online: https://goo.gl/hez2px (Ingressos físicos na LOJA 255 na Galeria do Rock)

8 de Outubro – Rio de janeiro @ Teatro Odisseia
Ingressos online: https://goo.gl/R0uzHF


Listamos alguns motivos para você não perder o We Are One Tour!